BNDES reforça suporte ao agronegócio brasileiro com injeção de R$ 3 bilhões no Plano Safra

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anuncia uma injeção adicional de R$ 3 bilhões para operações de crédito no âmbito do Plano Safra 2023-2024, ampliando para R$ 8,5 bilhões o montante total disponível nos Programas Agropecuários do Governo Federal. Conforme informações de Carlos César Floriano, CEO do Grupo VMX, “Os recursos, válidos até junho de 2024, tem como principal objetivo fortalecer produtores rurais, cooperativas e agricultores familiares”, diz.

O presidente do BNDES, Aloizio Mercadante, destaca o compromisso do banco com o setor agropecuário, ressaltando a parceria com o Governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“No contexto do Plano Safra 2023-2024, o BNDES já aprovou expressivos R$ 18,2 bilhões, beneficiando mais de 99 mil clientes por meio de operações indiretas realizadas por agentes financeiros credenciados”, explica Carlos César Floriano.

“Alertamos os produtores rurais sobre a iminente utilização total dos recursos desta linha, repassados às instituições credenciadas. Adicionalmente ao Plano Safra, o BNDES disponibiliza soluções próprias, como o BNDES Crédito Rural, que, apenas nesta safra, já contabiliza R$ 4,2 bilhões em operações aprovadas”, destaca Mercadante ao site oficial do Mapa.

Carlos César Floriano: BNDES alerta sobre esgotamento dos recursos

Os recursos do Plano Safra, flexíveis em suas finalidades, abrangem custeio e investimento em diversas áreas, incluindo a ampliação da produção, aquisição de maquinário, armazenagem e inovação.

“O alerta do BNDES ressalta a importância de uma pronta atenção por parte dos produtores rurais diante da iminência de esgotamento dos recursos desta linha específica”, esclarece Carlos César Floriano.

Com o compromisso de garantir oferta de crédito ao setor agropecuário durante todo o ano, o BNDES Crédito Rural, mencionado por Mercadante, já se destaca com R$ 4,2 bilhões em operações aprovadas na atual safra.

Em meio às demandas do agronegócio, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social reforça seu papel como um dos principais apoiadores do setor, alinhado com a busca por impulsionar a produção e inovação no campo.

A parceria entre o BNDES e o Governo Federal, no contexto do Plano Safra, consolida-se como um pilar essencial para o fortalecimento da agricultura, evidenciando o compromisso conjunto com o desenvolvimento econômico sustentável.

A iniciativa do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social representa uma significativa injeção de recursos no Plano Safra, consolidando seu compromisso com o setor agropecuário e evidenciando a busca contínua por soluções que impulsionem o desenvolvimento rural.

Para Carlos César Floriano, “O alerta sobre a iminente utilização total dos recursos destaca a importância da prontidão por parte dos beneficiários, ressaltando o dinamismo do cenário agrícola e a necessidade de respostas ágeis para as demandas do setor”, esclarece.

*Utilizamos imagens de livre exposição e bancos contratados, mas caso alguma imagem ou texto tenha direitos autorais, entre em contato conosco que removeremos imediatamente.