Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento apresenta na Espanha as inovações e sustentabilidade da agricultura brasileira

MAPA apresenta na Espanha as inovações da agricultura brasileira

Com a finalidade de aproximar o Brasil e a Espanha na busca pelas inovações e sustentabilidade do agronegócio, por meio de órgãos públicos e instituições privadas, representantes da Câmara do Comércio Brasil Espanha e do Ministério da Agricultura Pesca e Alimentação espanhol e os técnicos e analistas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), reuniram-se na Espanha.

Cleber Soares, secretário de Inovação, Desenvolvimento Sustentável e Irrigação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), demonstrou as táticas fundamentais para agricultura e alimentação sustentável para o Brasil, tais como, o Plano ABC+, o Programa Nacional de Bioinsumos, o portal Agro Hub Brasil e as estratégias de Foodtech no Fórum Galicia Biodays de Biotecnologia e Ciências da Vida, que foi realizado no município de La Coruña, cidade da comunidade autônoma da Galiza, na Espanha.

O Fórum contou com a presença de mais de 600 participantes de diferentes regiões, incluindo o setor privado, governo e ecossistemas de inovação.

“Esta é uma extraordinária oportunidade para a transferência de experiências no posicionamento da agricultura do Brasil, pois além de ter muita tecnologia embarcada, também possui vários princípios importantes de sustentabilidade”, enfatizou para o site oficial do Mapa, Cleber Soares.

A delegação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, igualmente, trabalhou com o Centro Latino-Americano de Tecnologia de Alimentos, a Embaixada do Brasil na Espanha e a Câmara de Comércio Brasil-Espanha para focar em seminários de tecnologia de alimentos, nos quais também participaram importantes clusters de centros de inovação, aceleradoras e empresas de biotecnologia. “Os assuntos ligados à tecnologia de alimentos deu grandes passos, tanto na Espanha quanto no Brasil, e as conveniências de esforços coletivos e simultâneos para aproximar os ecossistemas dos dois países podem levar a muitas iniciativas de inovação aberta”, disse o secretário ao site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

A comissão também se reuniu com Isabel Bombal, diretora de Inovação e Desenvolvimento Rural do Ministério de Agricultura da Espanha, para identificar a possibilidade de esforços coletivos e simultâneos e oportunidades para posteriores ajustes de colaboração.

No final da visita, a delegação realizou um encontro de esclarecimentos e definições dos próximos passos na Embaixada do Brasil na Espanha, que contou com a presença do Embaixador Orlando Wright Ribeiro. Um desses atos é desenvolver acordos de cooperação para consolidar a reconciliação entre os países sobre assuntos de ampla importância em comum, como Inovação Aberta, Foodtech, Agricultura Digital e Bioinsumos.

Bioeconomia

Outro assunto abordado nas reuniões entre o Brasil e a Espanha foi a Bioeconomia, um exemplo de plantio fundamentado na utilização de soluções biológicas que oferece soluções para a sustentabilidade dos sistemas de produção em substituição aos recursos fósseis e não renováveis.

Este modelo existe em setores mais condicionados aos ativos biológicos, tais como, agricultura, alimentos, fibras, cosméticos, biocombustíveis e prestação indireta de serviços, empresas, dentre outros. O ramo da agricultura desempenha um papel vital, pois sua base é formada por elementos biológicos. 

Como tal, a bioeconomia continuará a desempenhar um papel importante na Terra, pois abrange desde a biodiversidade do planeta até o fornecimento de alimentos, roupas e bioenergia às pessoas.

Para Cleber Soares, a bioeconomia aliada ao investimento em aperfeiçoamento com certeza será uma força de mudança no mundo. “Em meio à recessão, esse modo de produção continuará agregando valor à comunidade mundial e ajudando a enfrentar esses desafios, seja por meio da geração de alimentos quanto de energia”, explicou o secretário ao site oficial do Mapa.

Veja mais notícias em nosso site.

*Utilizamos imagens de livre exposição e bancos contratados, mas caso alguma imagem ou texto tenha direitos autorais, entre em contato conosco que removeremos imediatamente.