Ministérios da Agricultura e das Comunicações se reúnem para disponibilizar acesso à internet no campo

Em reunião realizada na quinta-feira, 9 de março de 2023, os Ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e das Comunicações (MCom), iniciaram os trabalhos em conjunto para aumentar a conectividade no campo por meio do Plano Nacional de Inclusão Digital, utilizando o Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust). 

O objetivo é fornecer acesso à internet para os cerca de 25 milhões de brasileiros que, atualmente, não possuem nenhum tipo de conexão, com foco nas áreas rurais. A proposta é lançar o edital de extensão da conectividade rural do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). 

A conectividade da agricultura é um dos principais focos do projeto, com potenciais benefícios para a agricultura de precisão e o valor bruto da produção.

A iniciativa é uma resposta à crescente demanda por conectividade nas áreas rurais do Brasil, onde a falta de acesso à internet é um grande obstáculo para o desenvolvimento econômico e social. 

O Plano Nacional de Inclusão Digital muda essa realidade, oferecendo acesso à internet de alta velocidade em áreas rurais por meio de tecnologias como a fibra óptica, satélites ou rádio.

A conectividade no agronegócio é especialmente importante, pois ajuda o agricultor a aumentar a produtividade e a reduzir os custos. A agricultura de precisão, por exemplo, utiliza tecnologias como drones, sensores e GPS para monitorar e gerenciar as culturas de forma mais eficiente. 

Com acesso à internet de alta velocidade, os agricultores podem usar essas tecnologias de maneira mais eficaz, o que pode levar a um aumento na produção e na qualidade dos produtos.

Além disso, a conectividade rural pode ajudar a impulsionar a economia local, permitindo que os moradores acessem serviços online, como educação, saúde e comércio eletrônico. Isso pode ajudar a criar empregos e melhorar a qualidade de vida nas áreas rurais do Brasil.

A importância da Internet no campo

Com a crescente demanda por alimentos e recursos naturais, é cada vez mais importante que os produtores rurais tenham acesso a tecnologias que melhorem a produtividade e a eficiência de suas atividades. Nesse contexto, a internet tem se mostrado uma ferramenta fundamental para o desenvolvimento do setor agropecuário.

Uma das principais vantagens da internet no campo é a possibilidade de acesso a informações em tempo real. Produtores rurais podem acessar dados sobre clima, preços de mercado, técnicas de plantio e manejo, entre outros, de maneira rápida e fácil, ajudando a tomar as decisões mais corretas.

Além disso, a internet também permite que os produtores rurais se conectem com outros profissionais do setor, como agrônomos, veterinários e consultores, para trocar informações e experiências. Isso facilita a identificação de problemas e a busca por soluções mais eficientes.

Outra vantagem da internet no campo é a possibilidade da comercialização de produtos diretamente pela rede mundial de computadores, o que permite que os produtores rurais ampliem seu alcance de mercado e vendam seus produtos para os consumidores finais, sem a necessidade de intermediários.

Além disso, a internet também é uma ferramenta fundamental para a divulgação do setor agropecuário e para a promoção de produtos locais e sustentáveis. Por meio de redes sociais, blogs e outras plataformas online, os produtores rurais podem compartilhar informações sobre suas atividades e seus produtos, criando uma rede de consumidores engajados e conscientes.

*Utilizamos imagens de livre exposição e bancos contratados, mas caso alguma imagem ou texto tenha direitos autorais, entre em contato conosco que removeremos imediatamente.